Vacinação em SC: Começa a distribuição de mais 42,5 mil doses contra Covid-19 às centrais regionais

0
593


Fotos: Doia Cercal / Secom

A Secretaria de Saúde (SES) de Santa Catarina, com o apoio das forças de segurança, iniciou nesta segunda-feira, 8, a distribuição de mais 42,5 mil doses da CoronaVac contra o novo coronavírus. O imunizante, para aplicação da primeira dose, está sendo enviado para as 17 unidades descentralizadas de Vigilância Epidemiológica (UDVES) de SC: Grande Florianópolis, Tubarão, Itajaí, Blumenau, Joinville, Jaraguá do Sul, Videira, Joaçaba, Concórdia, Xanxerê, Chapecó, Criciúma, Araranguá, Mafra, Lages, Rio do Sul e São Miguel do Oeste.

As vacinas começaram a sair da Central Estadual de Rede de Frio da Diretoria de Vigilância Epidemiológica (DIVE/SC), em São José, às 6h30. As doses estão sendo encaminhadas via terrestre para as centrais de Tubarão, Araranguá, Criciúma, Lages e Rio do Sul. Por volta das 7h30, a aeronave do Corpo de Bombeiros decolou para a região Oeste com destino às unidades de Videira, Joaçaba, Concórdia, Xanxerê, Chapecó e São Miguel do Oeste. A previsão é que todas as doses cheguem até o meio-dia. As unidades da Grande Florianópolis, Joinville, Jaraguá do Sul, Mafra, Blumenau e Itajaí farão a retirada na própria central estadual. Além do Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina, a operação conta com o apoio das forças de segurança que realizam as escoltas.

>> Mais fotos na galeria

O superintendente de Vigilância em Saúde de Santa Catarina, Eduardo Macário, destaca a agilidade com que o Estado tem conseguido realizar a distribuição. “Mais uma vez, em um trabalho conjunto, vamos conseguir fazer a distribuição de todas as doses para as centrais regionais em um curto intervalo de tempo e iniciar o quanto antes a vacinação dos idosos com 90 anos ou mais”, afirma o superintendente.

Artigo anteriorCoronavírus em SC: Governo dá início à operação para transferir pacientes da região Oeste por via aérea
Próximo artigoVereador Jaison Simas participa de reunião entre Prefeita Nilza Simas e Deputado Coronel Mocellin