UFSC prorroga suspensão de atividades presenciais até maio de 2021

0
677

A UFSC (Universidade Federal de Santa Catarina) emitiu uma nova portaria em que prorroga a suspensão das atividades presenciais até o dia 22 de maio de 2021.

O prazo anteriormente estabelecido pela Portaria Normativa Nº 371/2020/GR, de 28 de agosto de 2020, que foi revogada, previa a suspensão até o dia 30 de dezembro deste ano.

A oferta do ensino não presencial na UFSC, portanto, segue autorizada.

Além das aulas, outras atividades presenciais também tiveram suas suspensões prorrogadas até o dia 22 de maio de 2021. São elas:

  • A realização de quaisquer atividades acadêmicas presenciais como bancas e reuniões, entre outras;
  • Expediente presencial nas atividades técnicas e administrativas em todas as unidades da UFSC, exceto nos setores de saúde, segurança e nas situações de caráter inadiável e essencial.

Todos os programas de apoio e auxílio excepcionais decorrentes de ações da PRAE (Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis), PROGRAD (Pró-Reitoria de Graduação) e PROPG (Pró-Reitoria de PósGraduação) também foram prorrogados até a mesma data.

O documento ressalta que todas os prazos e medidas podem ser alterados, a depender de novos acontecimentos. A nova portaria entrou em vigor já no começo desta semana.

A UFSC retomou as atividades de forma remota no dia 31 de agosto, depois de quase seis meses sem aulas.

O calendário letivo foi reorganizado por conta da pandemia. A previsão é que nessa primeira fase de retomada, o primeiro semestre seja encerrado em dezembro de forma virtual.

No mês seguinte será iniciado o segundo semestre letivo de 2020 previsto para ser concluído em abril de 2021. A expectativa da UFSC é que o primeiro semestre letivo de 2021 seja iniciado entre maio e junho.

Artigo anteriorBrasil vai comprar qualquer vacina certificada pela Anvisa, diz Bolsonaro
Próximo artigoCovid-19: 65% dos brasileiros vão passar Ano-Novo em casa