Suspeitos de assalto a banco em Porto Belo são mortos pela polícia no litoral de SC

0
486

Dois suspeitos de assaltar uma agência bancária em Porto Belo, há cerca de uma semana, foram mortos em uma ação da polícia na noite de quarta-feira (29), em Balneário Barra do Sul, no Litoral Norte de Santa Catarina.

Tocador de vídeo

00:26
00:26

Suspeitos foram mortos em uma residência em Balneário Barra do Sul – Vídeo: James Klaus

De acordo com a Polícia Militar, a investigação indicava que os dois suspeitos haviam se deslocado à cidade após o crime. Assim, durante a quarta, equipes de inteligência do 25º BPM foram ao município para buscar informações sobre o paradeiro dos envolvidos.

Já em Balneário Barra do Sul, os policiais localizaram um veículo semelhante ao usado no crime e confirmaram se tratar dos suspeitos. O carro seguiu até uma residência no bairro Salinas, onde a guarnição acionou as equipes ostensivas para abordar os dois homens.

Ainda segundo a PM, os policiais da agência de inteligência foram notados pelos suspeitos do lado de fora e tiveram que entrar no imóvel. Porém, mesmo após contato, não houve rendição dos dois, que portavam armas de fogo. Diante disso, os policiais atiraram contra os suspeitos.

Um dos suspeitos foi atingido por sete disparos, enquanto o outro foi baleado quatro vezes. Os bombeiros foram chamados para prestar atendimento médico, mas os dois homens já haviam morrido quando o socorro chegou.

No local, foram apreendidos dois revólveres com seis munições cada, uma réplica de pistola, pouco mais de R$ 7 mil em dinheiro, dois celulares, peças de roupa possivelmente usadas no crime e uma porção de maconha.

Armas, droga e dinheiro foram apreendidos na casa – Foto: DivulgaçãoArmas, droga e dinheiro foram apreendidos na casa – Foto: Divulgação

Investigação aponta participação dos suspeitos em outros assaltos

assalto a uma agência bancária de Porto Belo, no último dia 22, surpreendeu pela ousadia dos criminosos. Em plena luz do dia, dois homens entraram no estabelecimento fortemente armados e usando máscaras, enquanto um terceiro ficou do lado de fora.

Dentro do banco, eles renderam os funcionários e forçaram os profissionais a entregar dinheiro e outros objetos. Segundo a polícia, R$ 100 mil foram roubados durante a ação.

Mas esse não foi o único assalto atribuído aos dois suspeitos mortos em Balneário Barra do Sul. Policiais das agências de inteligência da Polícia Militar, Polícia Rodoviária Federal e Polícia Federal também investigam uma série de roubos violentos com a participação dos dois.

Uma das ações ocorreu em junho deste ano, quando criminosos renderam os funcionários de um supermercado em Balneário Camboriú e roubaram R$ 25 mil. Neste crime, uma das vítimas ouviu um dos suspeitos sendo chamado pelo nome.

Já em julho, houve um roubo a banco em Itajaí, onde R$ 90 mil foram levados da agência. Os dois também teriam participado da ação, tendo, segundo a polícia, ostentado o dinheiro do crime nas redes sociais.

Após este roubo, houve o assalto a banco em Porto Belo e, por fim, outro assalto a agência bancária em Balneário Piçarras dois dias depois. Apesar da semelhança da ação, a participação dos dois suspeitos não foi confirmada nesse crime.

Artigo anteriorVeja onde há mais casos ativos de Covid-19 em Santa Catarina
Próximo artigoNuvem gigante ‘shelf cloud’ se forma em Santa Catarina