Procon de Itajaí realiza pesquisa de preço dos pescados para a Semana Santa

0
205

A Procuradoria de Defesa do Consumidor de Itajaí (Procon) realizou na terça-feira (04) a pesquisa de preço dos pescados para a Semana Santa. O camarão foi o produto que teve maior aumento neste ano, cerca de 40% em relação a 2022. A clássica sardinha, também conhecida como charuto, foi o peixe mais barato encontrado, com preço médio de R$ 10,00 o quilo.

Os peixes Congrio e Dourado tiveram a maior redução nos preços, de 20% no comparativo com o ano anterior. Em 2023, o valor do quilo do Congrio passou de R$ 50,00 para R$ 40,00 e do quilo do Dourado foi de R$ 25,00 para R$ 20,00. O peixe Meca também teve queda de 18,2% no valor do quilo, passando de R$ 54,99 em 2022 para R$ 45,00 neste ano.

Além do camarão, outro peixe que teve aumento considerável no valor em 2023 foi o Linguado, que subiu 25%. O quilo passou de R$ 28,00 para R$ 35,00. Salmão e Abrótea também apresentaram um aumento significativo de preço quando comparados com o ano anterior.

A pesquisa do Procon ainda apontou grande variação de preços entre os estabelecimentos. A Pescada e o Camarão foram os itens que mais variaram, com valores entre R$ 25,00 e R$ 120,00 o quilo.

Pesquisa analisou 12 tipos de pescados

Na análise do Procon, foram observados os preços do quilo de 12 tipos de pescados, sem levar em consideração a sua espécie ou a forma de apresentação do produto (congelado, fresco, com ou sem casca, limpo ou sujo, inteiro, em posta ou filé): Charuto, Corvina, Salmão, Congrio, Anchova, Linguado, Camarão, Lula, Meca, Pescada, Abrótea e Dourado. A coleta dos dados ocorreu no Centro de Abastecimento Paulo Bauer, conhecido como Mercado do Peixe do Centro de Itajaí.

Segundo o Procon, a pesquisa de preços é uma boa opção para economizar. O órgão de proteção também alerta que o Código de Defesa do Consumidor prevê que o pescado deve ser pesado na frente do consumidor para que o mesmo saiba o peso correto do produto comercializado.

O Procon esclarece dúvidas e recebe reclamações pelos telefones 151 e (47) 3349-6147, ou ainda por meio do e-mail procon@itajai.sc.gov.br. O órgão fica localizado na avenida Joca Brandão, 655, no Centro, e atende de segunda a sexta-feira.

Confira: Pesquisa do Pescado – Semana Santa 2023

Artigo anteriorTragédia em Blumenau: Polícia Civil analisa laudo pericial do celular apreendido com o autor do ataque à creche
Próximo artigoPrefeito de BC determina medidas imediatas para segurança escolar