Novo diretor do Porto de Imbituba que viajava para Santa Catarina para o trabalho é morto no caminho

A vítima deixa esposa e três filhos.

0
757

Valter Barros Barbosa, novo diretor de Infraestrutura e Logística do Porto de Imbituba, foi morto a tiros na noite de quinta-feira (13) quando se dirigia a Santa Catarina. Ele estava vindo ao estado para assumir o cargo de diretoria.

O crime aconteceu por volta das 19h no km 498 da BR-116, na rodovia Régis Bittencourt, no sentido Curitiba. Natural de Brasílio, Barbosa era capitão de corveta da Marinha do Brasil aposentado e deixava o cargo de Superintendente do Operações Portuárias do Porto de Santos (SP) para assumir o Porto de Imbituba.

A vítima dirigia para Santa Catarina, com a esposa, quando foram fechados por outro veículo que o forçou a parar no acostamento. Segundo a polícia, dois jovens armados saíram do veículo, um com balaclava e outro de boné e óculos escuros. Eles abordaram o casal anunciando um assalto e pedindo os pertences.

De acordo com a esposa de Barbosa, logo que desceu do carro ela ouviu os disparos dos bandidos, os quais fugiram levando a carteira e o celular do marido. A PRF (Polícia Rodoviária Federal) foi a primeira a chegar ao local do crime e acionou a Polícia Civil de Cajati (SP), que acompanhou a perícia.

A vítima deixa esposa e três filhos.

Artigo anteriorIdentificado segundo morto em acidente em obra de Itapema
Próximo artigoEm tempos de coronavírus, frio requer ainda mais cuidado e atenção com as doenças respiratórias