Novas placas de educação e preservação ambiental em Bombinhas

0
1266

A Prefeitura de Bombinhas, por meio da Fundação de Amparo ao Meio Ambiente, iniciou esta semana a colocação de placas de conscientização ambiental em locais considerados críticos e em áreas protegidas. Ao todo serão colocadas mais de 80 placas em áreas de restinga, nas trilhas, nos ninhos de tartaruga cabeçuda em Canto Grande e nas praias de Mariscal e Quatro Ilhas para a sinalização indicativa da fase piloto do Bandeira Azul.

A avaliação dos locais foi realizada pelos setores de fiscalização ambiental para detectar os pontos mais vulneráveis e sujeitos a sofrer alguma agressão por parte de turistas e moradores do município. As placas foram custeadas com recurso da Taxa de Preservação Ambiental, após aprovação do Conselho Gestor da TPA, que gerencia o uso exclusivo para a preservação do meio ambiente.

“A colocação das placas é de grande importância para essa conscientização das pessoas, onde buscamos resolver problemas como o de descarte irregular de lixo. A responsabilidade de fiscalização e cuidado é de todos, por isso a comunidade deve entrar em contato com a Famab para denúncias de postura irregular e de crimes ambientais”, destacou o Presidente da Famab, Flávio Martins.

Artigo anteriorCidadão defende a municipalização do serviço de água e esgoto em Itapema
Próximo artigoDivulgado relatório de Balneabilidade da última segunda-feira