Município de Itajaí conta com 35 novas viaturas para atualização da frota dos órgãos de segurança

0
39

O Município de Itajaí atualizou a frota dos órgãos de segurança e conta agora com 35 novas viaturas. São 17 veículos para a Coordenadoria de Trânsito (Codetran) e 18 para a Guarda Municipal (GMI). A iniciativa busca aprimorar o desempenho das funções dos profissionais da segurança no atendimento às demandas da comunidade, além de assegurar maior eficiência operacional e responsabilidade ambiental.

As novas viaturas têm desempenho e tecnologia avançada que garantem economia de combustível e taxas de poluição menores. São projetadas para responder rapidamente às demandas da cidade e marcam um avanço significativo na missão de fortalecer as operações de fiscalização, atendimento a sinistros de trânsito e rápida ação para a segurança da população.

“Este compromisso reforça nossa visão de um futuro mais sustentável, onde a segurança coexiste harmoniosamente com a preservação do meio ambiente. A substituição das viaturas em uso desde 2019 se mostrou necessária, permitindo-nos avançar para veículos mais econômicos e ecologicamente responsáveis, mantendo nossa frota alinhada à sustentabilidade”, destaca o secretário de Segurança Pública, Marcelo Luiz Szynkaruk Júnior.

As novas viaturas, agora integralmente incorporadas às escalas de serviço dos agentes de trânsito e guardas municipais, são ferramentas estratégicas para fortalecer as operações em várias frentes. Além disso, receberam atualização da identidade visual com intuito de padronizar os veículos operacionais da Secretaria de Segurança Pública.

“Estamos comprometidos em proporcionar à comunidade um serviço eficiente e moderno. As novas viaturas representam um avanço em nossa missão de garantir a segurança viária e proporcionar melhores condições de trabalho aos nossos Agentes de Trânsito, que utilizam esses veículos diariamente”, ressalta o coordenador da Codetran, Michel Vieira Duarte.

Artigo anteriorComo solicitar a nova carteira de identidade nacional em Santa Catarina
Próximo artigoColuna Pelo Estado: Nomeação de Filipe Mello causa polêmica