Manifestação contra o racismo em Curitiba termina em depredação, 8 detidos e um ferido

Policiais usaram bombas de gás lacrimogênio e balas de borracha para dispersar os manifestantes.

0
897

Um protesto contra o racismo começou de forma pacífica na Praça Santos Andrade, no Centro de Curitiba, na noite desta segunda-feira (1º), e acabou com a depredação. Oito pessoas foram detidas e levadas para uma delegacia e um policial foi ferido.

Segundo a polícia, houve registro de vandalismo na região central da cidade e no Centro Cívico. Policiais usaram bombas de gás lacrimogênio e balas de borracha para dispersar os manifestantes.

Manifestantes se reuniram na Praça Santos Andrade — Foto: Maycon Hoffmann/RPC
Manifestantes se reuniram na Praça Santos Andrade — Foto: Maycon Hoffmann/RPC

A polícia não informou uma estimativa do número de pessoas no protesto. Não há informações sobre o policial ferido

Imagens mostram pontos de ônibus destruídos, vidros de agências bancárias e até a fachada do Fórum Cível, na Avenida Cândido de Abreu.

Bens públicos e privados foram alvo dos manifestantes, segundo a polícia — Foto: Rodrigo Zanlorenzi/RPC
Bens públicos e privados foram alvo dos manifestantes, segundo a polícia — Foto: Rodrigo Zanlorenzi/RPC

Os manifestantes gritaram palavras de ordem em frente ao Palácio Iguaçu. Lixeiras e sacos de lixo foram incendiados, e pontos de ônibus foram pichados.

Os manifestantes gritaram palavras de ordem em frente ao Palácio Iguaçu — Foto: Maycon Hoffmann/RPC
Os manifestantes gritaram palavras de ordem em frente ao Palácio Iguaçu — Foto: Maycon Hoffmann/RPC

A Prefeitura de Curitiba afirmou que houve registro de danos em algumas estações-tubo na região do Centro Cívico e pontos de mobiliário urbano na Praça Tiradentes Nestor de Castro. Informou, ainda, que o levantamento completo será divulgado na terça-feira (2). Até a última atualização desta reportagem, não havia registro de feridos.

Protesto contra o racismo tem depredação em Curitiba, diz PM — Foto: Rodrigo Zanlorenzi/RPC
Protesto contra o racismo tem depredação em Curitiba, diz PM — Foto: Rodrigo Zanlorenzi/RPC

Fonte: G1

Artigo anteriorManifestações contra o racismo repercutem no mundo do esporte
Próximo artigoBolsonaro liga para Trump e agradece envio de mil respiradores ao Brasil