Mãe é presa suspeita da morte do bebê de 41 dias

Caso aconteceu na cidade de Chapecó

0
197

Uma mulher foi presa na cidade de Chapecó nesta segunda-feira (29) após seu filho, um bebê de apenas 41 dias de vida, ter sido encontrado morto com hematomas na cabeça e traumatismo craniano.

Na casa, os policiais encontraram a criança deitada em um ‘bebê-conforto’, com muitas roupas e com uma touca na cabeça. Ela apresentava pele muito branca e não tinha sinais vitais, tendo ainda alguns hematomas na face. A mãe é suspeita de ter matado o bebê.

Os policiais desobstruíram as vias aéreas da criança e perceberam que havia grande quantidade de leite no interior da via aérea do bebê. Os agentes começaram a fazer a manobra de Heimlich, mas não obtiveram sucesso. Manobras de reanimação foram realizadas pelos policiais, até a chegada da equipe do Samu, que assumiu a ocorrência.

Após inúmeras tentativas de reanimação pela equipe Samu, foi confirmado o óbito do bebê. Além dos hematomas na face, a bebê também apresentava suspeita de fraturas na cabeça.

Conforme a PM, diante dos fatos, a Polícia Civil e o Instituto Geral de Perícias (IGP) foram acionados e realizaram perícia no local. O corpo do bebê foi recolhido para realizar o exame de corpo de delito.