IMA concede licença ambiental para unidade industrial da Nestlé Purina em Vargeão

0
568

O Instituto do Meio Ambiente (IMA) emitiu a Licença Ambiental Prévia com dispensa de Licença Ambiental de Instalação para a unidade industrial do grupo Nestlé Purina em Vargeão, no Oeste do estado. A indústria será voltada ao processamento de subprodutos agroindustriais para produção de rações para animais, com área total de 79 mil metros quadrados e investimento estimado de R$ 1 bilhão nesta primeira fase do empreendimento.

“Trata-se de mais um processo de licenciamento ambiental de grande porte conduzido pelo IMA para contribuir com o desenvolvimento econômico e sustentável em Santa Catarina sem deixar de priorizar o controle ambiental no estado”, comentou o presidente do IMA, Daniel Vinicius Netto.

O empreendimento considera política de zero destinação para aterros sanitários, projetos de reuso de água resultante do tratamento de efluentes industriais, uso crescente de fontes renováveis e energia.

Estima-se que ao longo das três etapas de implantação, serão investidos ao menos R$ 2,3 bilhões, com previsão de gerar até dois mil postos de trabalho diretos e indiretos. A iniciativa vai fomentar o agronegócio local, sobretudo com a utilização de matérias-primas que são consideradas subprodutos na agropecuária, como farinha de carnes, gorduras de origem animal e resíduos de abatedouros.

“A implantação da Nestlé Purina em Santa Catarina é resultado de um grande esforço conjunto do Governo de SC por meio do Programa InvestSC e traduz a confiança do empreendedor no Estado por meio de um investimento bilionário e que vai gerar 2 mil empregos, sendo um divisor de águas econômico para Vargeão e todo o entorno”, reforçou o secretário de Desenvolvimento Sustentável, Luciano Buligon.

A liberação da licença contou com a participação da Coordenadoria de Desenvolvimento Ambiental do IMA de Chapecó.

Artigo anteriorGoverno do Estado recebe nove prefeitos para avaliar os projetos do Plano 1000
Próximo artigoProjetos na área ambiental recebem fomento do Programa Centelha em SC