Grupo Folclórico Tropeiros do Litoral na Semana Farroupilha em Camboriú

0
235

Nesta última semana, sendo entre os dias 06/09 a 11/09 ocorreu o 3º Acampamento Farroupilha de Camboriú, uma de nossas cidades vizinhas, sendo sediado no IFC (Instituto Federal Catarinense).

O acampamento farroupilha contou com diversas atrações nacionais, com cantores, bandas e grupos da cultura gaúcha, e é claro, que o Grupo Folclórico Tropeiros do Litoral, da nossa cidade, não iria ficar de fora, se apresentando nos dias 07/09 (Quarta-Feira) e 11/09 (Domingo) Fazendo a última atração folclórica do evento.

Em sua grande estreia no evento, contou com seu elenco mirim, se apresentando com as danças típicas gaúchas, e também uma coreografia totalmente autoral de Rudimar do Nascimento e Ketlyn Gabrielle, a dança “Uma Fabula Totalmente Gaúcha”, contando através de dança, o maior mito gaúcho, o negrinho do pastoreiro.

Onde a mesma foi premiada no Festival de Danças de Joinville com o prêmio de 2º Lugar, na categoria meia ponta, na etnia “Danças Populares – Conjunto Brasileiro”.

Logo em seguida, mas no mesmo dia, esteve em palco o grupo de ballet do Grupo Folclórico Tropeiros do Litoral, liderado e coreografado por Lisiane Gil da Cruz. O bloco apresentado é chamado como “Bloco das Anitas” que conta as histórias e relatos das grandes mulheres gaúchas, relatando a luta e o sofrimento de se manter, sem seus homens que teriam partido para a guerra.

“Desde que comecei este projeto do ballet no Tropeiros, pensava neste bloco, são danças com letras fortes, mostrando o impacto que acontecia na época, entre guerras, falta de alimentos e etc. As meninas estão de parabéns, e sempre fico sem palavras para descrever o orgulho que fico ao ver estas meninas em palco” disse Lisiane Gil da Cruz, Coreografa e Fundadora do Grupo Folclórico Tropeiros do Litoral.

Passando os dias e chegando no domingo (11/09) foi a vez do elenco adulto se apresentar em palco, elenco em si, diversas vezes premiados por diversos festivais do brasil. Conquistando 2x o Festival de Danças de Joinville, 8x o Festival Santa Catarina Dança, 1x Festival Mercosul de Vergará, e entre outros.

Fazendo sua participação com as danças “Pode Tocar Qualquer Uma”, “Dança dos Facões”, “Chula”, “Pout Porrie de Danças Típicas” e por fim, “Um Grito Farrapo por um Ideal” coreografias totalmente autorais de Rudimar do Nascimento, coreógrafo e fundador do Grupo, sendo esta última, com participação especial da mais nova coreografa do grupo, Ketlyn Gabrielle. Sendo o último grupo a se apresentar no evento, e o primeiro grupo a ser aplaudido de pé, por todos o público presente, as apresentações foram fantásticas, um verdadeiro espetáculo em palco, fazendo até o último da plateia aplaudir, e para alguns que estavam presentes, encher os olhos de lagrimas. Coreografias fortes e emocionantes, mostrando a garra, o orgulho de ser gaúcho, seja nascendo no Rio Grande do Sul, ou sendo dominado pela cultura gaúcha, cultura rica de histórias, conquistando o coração de todos que apreciam.

“Uma alegria sem tamanho, ver eles em palco, e depois, pensar em cada passo que damos todos os dias para manter esse grupo, é muito gratificante, não por ser meu grupo, mas como telespectador mesmo, eu sou apaixonado neste grupo, eles são fantásticos, como pessoas e dançarinos, é incrível a garra deles em palco. O nosso grupo tem crianças de 6 anos á adultos de 40 anos, e a essência da cultura gaúcha, é a mesma, a vontade de dançar, é a mesma, sinto um orgulho de mim mesmo, por manter este grupo a cada dia, vencer cada dificuldade, quebrar cada barreira, realmente, todas as apresentações são incentivos para continuar cada vez mais, e desta vez, não foi nada diferente” Disse Rudimar do Nascimento, Fundador e Coreografo do Grupo Folclórico Tropeiros do Litoral.

Nesta última apresentação do grupo, também estiveram presentes a banda municipal de Itapema, atual campeã do estado. Onde na dança, faz a entrada do exército contra os farrapos, durante a parte principal da dança, a famosa guerra.

Além das apresentações, o evento contou também com a “Barraquinha” do Tropeiros no local, vendendo diversos petiscos para o público.

E o mês não para por aqui, nesta sexta-feira (16/09) os elencos mirim, juvenil e adulto se prepara fortemente para o próximo desafio, que será o Festival Santa Catarina Dança, concorrendo nas categorias “Danças Populares – Conjunto Mirim, Junior e Sênior” eles irão em busca do seu 9º, 10º e 11º título, tendo em seu currículo oito títulos deste festival, e após pausa obrigatória da pandemia, voltaram aos palcos para defender seus títulos.

E também, com apresentações confirmadas na Semana Farroupilha de Balneário Camboriú, nos dias 18/09 (Domingo) e 20/09 (Terça- Feira).

Artigo anteriorProjeto de educação inovadora destaca o protagonismo juvenil
Próximo artigoGuarda Municipal de Porto Belo auxiliará nas rondas da Rede Catarina