Governador Jorginho Mello e presidente da Celesc, Tarcísio Rosa, defendem Celesc pública e eficiente

0
188

Uma empresa pública mais eficiente e que entregue energia de qualidade para todas as regiões, valorizando quem produz e atraindo novas empresas. Esses foram os compromissos assumidos pelo governador Jorginho Mello e o presidente da Celesc, Tarcísio Rosa, durante ato de apresentação da nova diretoria, que ocorreu nesta quinta-feira, 16, na sede da Companhia, no Itacorubi.

O evento, que teve a participação dos empregados, também contou com a presença da vice-governadora Marilisa Boehm, secretários de Estado como Cleverson Siewert (Fazenda), ex-presidente da Celesc, diretores e de membros do Conselho de Administração, como Glaudo Corte (presidente).

“Queremos uma Celesc pública e cada vez mais eficiente, que entregue resultados e que atenda bem o cidadão e quem produz. Queremos trazer mais empresas para Santa Catarina, mas para isso os empreendedores precisam de energia com ainda mais qualidade. Uma empresa no campo muitas vezes fatura mais que uma empresa na cidade. Então, precisamos dar mais atenção ao interior e investir mais em redes de energia trifásica para que nosso estado continue crescendo e gerando emprego”, destacou o governador, que aproveitou o evento para fazer um balanço das primeiras ações de governo.

O presidente da Celesc, Tarcísio Rosa, também defendeu a empresa pública, mais forte e mais moderna. “Esta foi a missão dada pelo governo e precisa ser o compromisso de todos, da presidência, da diretoria, do conselho e também dos empregados”, ressaltou.

O presidente informou que um diagnóstico está sendo realizado para levantar os pontos críticos na rede elétrica do estado e projetar os investimentos. “Onde for preciso, vamos investir sim em energia trifásica. Santa Catarina não pode parar. Energia é desenvolvimento, é mais emprego e renda.  Juntos vamos fazer a Celesc ainda mais forte e competitiva”, frisou Tarcísio.

Em seu discurso, o secretário Cleverson Siewert — que foi presidente da Celesc —, ressaltou que o governador está focado no futuro do estado e projeta Santa Catarina para os próximos 20 anos.

“Este desafio vai exigir muito do nosso corpo técnico, de investimento em tecnologia e inovação e do compromisso com a sociedade, afinal, somos servidores e precisamos sempre focar em melhorar o nosso atendimento à sociedade”, frisou.

Além do presidente Tarcísio, no último dia 9, o Conselho de Administração aprovou os nomes dos diretores Júlio Cesar Pungan (Diretoria de Finanças e Relações com Investidores), Cláudio Varella do Nascimento (Diretoria de Distribuição), Pedro Schmidt de Carvalho Junior (Diretoria de Regulação e Gestão de Energia ) e Ivecio Pedro Felisbino Filho (Diretoria de Geração, Transmissão e Novos Negócios).

Artigo anteriorPelo Estado: Protagonismo feminino é desafio no parlamento
Próximo artigoSelo Social lança revista em Itapema e abre inscrições gratuitas para 2023