Creche de Itajaí cria Bebeteca para apresentar literatura às crianças

Espaço também realiza empréstimos para os pais incentivarem a leitura

0
1112

Bibliotecas e videotecas já são termos conhecidos no cotidiano escolar, mas o Centro de Educação Infantil (CEI) João Victorino, no bairro Rio Bonito, foi além. Cerca de 380 crianças frequentam a “Bebeteca”: uma biblioteca voltada à primeira infância para incentivar a leitura por meio da metodologia fruitiva. Ou seja, os pequenos podem manusear os livros, ouvir e contar histórias a partir das imagens. Os pais dos alunos também podem retirar as obras emprestadas para desenvolver a atividade em casa.

Com pufes, almofadas, tapete e até uma rede, as crianças frequentam o ambiente três vezes por semana. Durante 30 minutos, eles são imersos em atividades alinhadas com a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), que garantem os direitos à aprendizagem e ao desenvolvimento da criança.

Desde julho de 2018, a professora doutora em literatura, Adair de Aguiar Neitzel, realiza uma formação para os educadores por meio de uma parceria entre a Secretaria Municipal de Educação e a Universidade do Vale do Itajaí (Univali).

“Com essa capacitação, nossos profissionais ficam mais preparados para aproveitar o espaço da melhor forma com os alunos”, relata a diretora do CEI, Juliana Pereira Nunes Furman.

O método utilizado contribui para a construção da relação da criança com o livro a partir da apreciação: os pequenos transformam o livro em brinquedo e reconhecem-no como um importante objeto cultural. Por conta disso, há mais chances dessas crianças se tornarem leitores no futuro.

Artigo anteriorPolícia Civil descobre identidade de ossada humana encontrada em 2017
Próximo artigoTráfego na ponte entre Itapema e Porto Belo será limitado