Corpo de motorista de app que estava desaparecido é encontrado em SC

0
286
O corpo do motorista de aplicativo Luis Cesar Camargo, que estava desaparecido desde 4 de setembro, foi encontrado pela Polícia Civil em Joinville, no Norte de Santa Catarina, na noite de terça-feira (13).

Segundo o delegado Gil Rafael Ribas, a Polícia Civil de São Bento do Sul, onde o motorista de 52 anos morava, localizou o corpo na Estrada do Pico, lateral da SC-418, na área rural de Pirabeiraba, zona Norte de Joinville.

“Lançamos mão de diversas medidas investigativas, tanto de campo quanto tecnológicas. Já havíamos varrido diversos outros pontos e ontem obtivemos sucesso na localização”, destacou o delegado.

Informações preliminares indicam lesões na região do pescoço e da cabeça do motorista. Mas a definição precisa da causa da morte e da arma do crime devem ser obtidas somente a partir de laudo pericial.

Na mesma noite, um mandado de prisão temporária foi cumprido pela DIC (Divisão de Investigação Criminal) em Itapoá contra uma pessoa suspeita de participação no crime.

“As investigações seguem tanto para descobrir a motivação quanto para a responsabilização de todos os envolvidos. Porém, os indicativos no momento são de latrocínio”, complementa Ribas.

Motorista saiu para fazer uma corrida e não voltou

Luis Cesar Camargo morava em São Bento do Sul, no Planalto Norte de Santa Catarina, e saiu de casa no domingo (4) para buscar um passageiro em Campo Alegre, na mesma região.

A esposa do motorista, Edineia Aparecida Hable, contou que começou a se preocupar quando o marido não chegou no horário previsto. A partir daí, tentou contato pelo celular, mas ele não visualizou as mensagens e nem atendeu as ligações.

Luis Cesar trabalhava como motorista de aplicativo há cerca de um ano e a esposa afirmou que nunca houve nenhum incidente durante as corridas, como furtos ou assaltos.

Na noite de quarta-feira (7), três dias após o desaparecimento, o carro do motorista foi encontrado em Itapoá, no Litoral Norte, com marcas de sangue que indicavam violência.

Os bombeiros militares chegaram a auxiliar nas buscas pelo homem na região, com uso de binômios e mergulhadores em um rio próximo de onde o veículo foi localizado.

Artigo anteriorPelo Estado: Governador propõe programa para dispor um litro de leite por semana para 81 mil estudantes
Próximo artigoDupla investigada por furtos em série a comércios é presa em Bombinhas