Ciclogênese vai trazer mudança radical no tempo em SC; o que esperar

0
117

A ciclogênese é o processo meteorológico pelo qual uma área de baixa pressão atmosférica se forma ou se intensifica. É exatamente isto que acontece em Santa Catarina nesta quinta-feira (14).

De acordo com a Defesa Civil do Estado, além do fenômeno, um ciclone extratropical no oceano será um dos responsáveis por despencar as temperaturas no Estado, trazer geada, ventos de 80 km/h e ondas de 3.5 metros para o litoral.

Segundo a pasta, teremos chuvas leves e isoladas no Meio-Oeste até o Litoral Sul, devido a um ciclone marítimo que traz umidade para o continente nesta quinta. No entanto, à tarde, o tempo vai melhorar à medida que o ciclone se afasta e uma massa de ar frio e seco se estabelece.

Os fenômenos vão fazer com que as temperaturas caiam rapidamente, trazendo ventos moderados a fortes, especialmente nas áreas costeiras do Litoral Sul até a Grande Florianópolis.

As temperaturas ficarão baixas, com mínimas à noite abaixo de 5°C na Serra e entre 6 e 12°C em outras regiões. Além disso, o mar estará muito agitado, com ondas altas e um risco moderado a alto de ressacas.

Já na sexta-feira (15), data em que os ventos podem chegar a 80 km/h, uma massa de ar seco traz mais uma reviravolta no tempo. Segundo a Defesa Civil, o fenômeno favorece a estabilidade e também deixa as temperaturas baixas, principalmente na madrugada e primeiras horas da manhã.

As temperaturas diminuem ainda mais, se comparadas ao dia anterior, com mínimas negativas nos pontos mais altos da Serra e entre 0°C e 5°C nos Planaltos, Grande Oeste e no Alto Vale do Itajaí. Nas demais regiões, mínimas entre 5°C e 8°C.

Há condições favoráveis para formação de geada ampla no estado. À tarde as máximas variam entre 16°C e 22°C em Santa Catarina. A agitação do mar diminui, mas ainda permanece com ondas de sul/sudeste entre 1,5 e 2m e picos de 2,5 a 3m.

Afinal, o que é ciclogênese?

Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia, a ciclogênese é o processo meteorológico pelo qual uma área de baixa pressão atmosférica se forma ou se intensifica. Esse fenômeno ocorre na atmosfera terrestre e é uma parte fundamental do ciclo de desenvolvimento das condições climáticas. Durante a ciclogênese, o ar ao redor da área de baixa pressão começa a convergir e a subir, o que leva ao resfriamento do ar e à formação de nuvens e precipitação.

A ciclogênese pode ser associada a sistemas meteorológicos diversos, como ciclones tropicais, tempestades de inverno, frentes frias e sistemas de baixa pressão em geral. A intensidade da ciclogênese e suas consequências dependem de vários fatores, incluindo a diferença de pressão entre a área de baixa pressão e as áreas circundantes, a temperatura do ar, a umidade e outros fatores atmosféricos.

Em resumo, a ciclogênese é o processo de formação ou intensificação de áreas de baixa pressão atmosférica, desempenhando um papel importante na criação de diferentes tipos de condições climáticas, incluindo chuvas, ventos fortes e variações de temperatura.

Artigo anteriorPF cumpre mandados em SC por golpe financeiro de R$ 300 milhões
Próximo artigoMorro do Macaco registra mais de 4 mil visitantes no feriado da Independência