Bombinhas é primeiro lugar em gastos com saúde na região da AMFRI

0
1399

Bombinhas aparece em 40º lugar entre as 295 cidades de Santa Catarina quando o assunto é gasto em saúde, com R$ 871,70 por habitante. Na região da Amfri, é o município que mais investe na área, com um valor muito acima da média nacional, de R$ 403,37. Esse é o resultado de uma política de investimentos em busca da excelência de serviços de saúde que começou em 2013, e que levou o município a receber três premiações pela Gestão Básica de Saúde e pela Melhoria de Acesso e da Qualidade da Atenção Básica.

O índice foi divulgado pelo Conselho Federal de Medicina na última segunda-feira, dia 21, através do levantamento do investimento médio por pessoa das prefeituras em todo o país nas Ações e Serviços Públicos de Saúde (ASPS), declaradas no Sistema de Informações sobre os Orçamentos Públicos em Saúde (Siops), do Ministério da Saúde.

Em Santa Catarina, os valores de investimento variam entre R$ 192,60 a R$ 1.513,80 por pessoa no ano inteiro, com média de R$ 583,13, o que deixou 181 municípios (61,3%) abaixo desse índice em 2017. A cidade catarinense com maior média per capita de investimento em saúde é Paial, no Oeste. O município tem 1.577 habitantes e aplicou em saúde R$ 1.513,77 por pessoa no último ano da pesquisa. O que se constata no estudo é que os menores municípios são os que conseguem atender melhor a demanda da saúde.

Segundo o Conselho Federal de Medicina, nas 1.234 cidades com menos de 5 mil habitantes, as prefeituras gastaram em média R$ 779,21 na saúde de cada cidadão. Bombinhas tem hoje de acordo com a estimativa do IBGE, 18.623 habitantes, mas em pelo menos três meses do ano, durante a temporada de verão, esse número cresce vertiginosamente

“Temos investido cada vez mais em saúde para que nosso cidadão tenha um atendimento digno e justo. Reformamos as Unidades de Saúde, construímos mais duas UBS e estamos construindo uma UPA 24h que ficará pronta até o segundo semestre, temos hoje um Pronto Atendimento que funciona até a meia-noite, contamos com seis Equipes de Saúde da Família, 16 médicos, vários especialistas pelo convênio com o Instituto Vidas. Também equipamos a Clínica de Fisioterapia e as salas odontológicas. Nossa meta é atender cada vez melhor nossa população”, disse o Prefeito Paulo Henrique Dalago Müller.

 

Artigo anteriorJustiça prorroga segundo inquérito que investiga ataque a Bolsonaro
Próximo artigoItapema retoma dois pontos próprios para banho no mar