Bistek Supermercados terá três novas lojas no Rio Grande do Sul no segundo semestre

0
113
Foto: Loja Porto Alegre

O mercado do Rio Grande do Sul ocupa espaço importante na estratégia de expansão do Bistek Supermercados, rede que hoje tem 22 lojas em Santa Catarina e duas em solo gaúcho. Ainda no segundo semestre serão inauguradas três novas unidades no estado – duas na capital e uma em Sapiranga, na Grande Porto Alegre. Em 2024, outras duas filiais abrem as portas – em Tramandaí e na região metropolitana. Apenas nessas cinco unidades, os investimentos devem somar R$ 150 milhões. Mas os planos para o estado são mais ambiciosos. Em cinco anos, o objetivo é ter 15 lojas e garantir mais de 3,5 mil empregos diretos. “Testamos nosso modelo no mercado local durante dois anos e meio e tivemos ótima aceitação. Estamos bastante otimistas”, diz o diretor comercial da empresa, Walter Ghislandi.

O modelo escolhido pelo Bistek para crescer é diferente daquele adotado por outras redes. Em vez dos “atacarejos”, a rede aposta em lojas de vizinhança, com área de vendas que varia entre 1,5 mil e 2,5 mil metros quadrados, e na oferta de itens valorizados pelo consumidor da classe média. A rede se destaca, por exemplo, pelas carnes preparadas em frigorífico próprio, abastecido por produtores selecionados, e pelos setores de padaria, adega e floricultura, com itens trazidos de Holambra, capital nacional das flores. “Já o nosso setor de frutas, verduras e legumes é ‘direto da roça’. Fazemos compras diárias para abastecer as gôndolas”, diz Ghislandi.

Segundo ele, a definição do mix de produtos e a opção por lojas localizadas em regiões de grande adensamento populacional  permitem ao Bistek tirar proveito de mudanças no perfil de consumo do brasileiro. “As pessoas ampliaram muito a frequência de idas ao supermercado. Em vez dos ‘ranchos’ mensais, hoje há quem vá diariamente ou até duas vezes ao dia buscar algo que está faltando no armário ou na geladeira de casa. Esse consumidor valoriza o ‘frescor’ que oferecemos em nossas gôndolas”. Os resultados da primeira loja aberta em Porto Alegre e da filial de Torres, inauguradas em 2020 , mostram o acerto da proposta. “O desempenho dessas unidades foi essencial para nos mostrar que o mercado local aprova nossa forma de trabalhar”, diz Ghislandi. Ele acrescenta que é importante garantir que a expansão seja acompanhada pela agilidade no envio de itens como frutas, verduras e legumes para as unidades do Rio Grande do Sul, o que levou a rede a projetar a construção de um novo entreposto de mercadorias no sul catarinense.

A expansão no Rio Grande do Sul ocorre em um momento de otimismo com a recuperação da economia do estado e crescimento nas vendas em toda a rede. “Setores importantes, como o agronegócio e a indústria metal-mecânica têm grande potencial e devem voltar a crescer, o que é importante para a economia local, que sempre foi pujante. Queremos acompanhar essa retomada ”, diz Ghislandi. Ao mesmo tempo, a inflação sob controle e a queda nos preços de itens básicos garantem aumento na capacidade de consumo das famílias e refletem de forma positiva no setor supermercadista. Em 2023 o Bistek deve ter alta de mais de 17% no volume de vendas em suas lojas. No ano passado a rede teve faturamento de R$ 1,6 bilhão. Além das três unidades em terras gaúchas, em 2023 ainda será aberta nova loja em Balneário Camboriú, no litoral catarinense.

Sobre o Bistek

Fundado em 1979 por uma família de imigrantes italianos na cidade de Nova Veneza (SC), o Bistek é hoje uma das marcas mais importantes do varejo Sul do país. Com 22 lojas em 13 cidades catarinenses e duas unidades no Rio Grande do Sul, em Torres e Porto Alegre, a rede de supermercados gera mais de 4,5 mil empregos e tem faturamento aproximado de R$ 1,6 bilhão/ano.

O moderno Centro Empresarial Adelino Ghislandi, em Nova Veneza, concentra as atividades de recursos humanos, administrativo e financeiro da empresa. A rede tem ainda um Centro de Distribuição com 23 mil metros quadrados às margens da BR-101 e frigorífico próprio.

Artigo anteriorMais de 1200 atletas participaram da Meia Maratona de Balneário Camboriú
Próximo artigoVigilância Escolar Armada começa a atuar nas unidades da Rede Municipal de Ensino de Itajaí