Argentina de 44 anos é atropelada e morre quando tentava desatolar veículo em que estava

0
1210

Na tarde desta quarta-feira, 28, a Polícia Militar foi solicitada a comparecer na subida da rua Tatuíra, que dá acesso à praia da Tainha, em Bombinhas, onde uma mulher teria entrado em óbito, decorrente de acidente de trânsito.

Segundo as testemunhas, o veículo GM/Ônix em que a vítima se encontrava, com mais três ocupantes, passou a patinar na subida do morro, sem que conseguisse prosseguir. Os ocupantes então decidiram retornar. Contudo, ao tentar a manobra, o automóvel atolou na beira da estrada, onde havia várias pedras.

Deste modo, três dos ocupantes optaram por descer do veículo para empurrá-lo, quando ele voltou para trás. Duas pessoas conseguiram se esquivar a tempo, mas a vítima não, tendo o carro passado por cima dela, que infelizmente não resistiu e faleceu ainda no local.

O condutor, que é argentino, acredita que o acidente possa ter ocorrido devido a sua imperícia na condução de veículos com transmissão manual, caso do Ônix que conduzia, pois na Argentina está acostumado a dirigir somente veículo com transmissão automática.

Diante dos fatos o autor, as testemunhas e o veículo envolvido foram apresentados na Delegacia de Bombinhas. O corpo da vítima foi conduzido pelo IGP para Balneário Camboriú.

Artigo anteriorCodetran realiza formatura para 150 crianças do programa motorista do futuro em Itajaí
Próximo artigoObras da nova ponte da rua 115 no centro de Itapema estão na reta final